Day1 Endeavor 2016! Quando vai ser o seu?

Day one Endavor Sebrae
As suas próximas conquistas precisam de muito trabalho duro, suor e paciência.
E para que não desanime, você vai precisar também de muita inspiração, força de vontade, sonhos e determinação.
Na postagem abaixo falarei um pouco sobre o último evento presencial que fui, sobre como ele me ajudou e como, com certeza, poderá te ajudar!
Então, continue lendo a publicação para saber um pouco mais sobre:
  • O que faz a Endeavor;
  • O que é o Day1;
  • O que aconteceu de melhor no Day1 2016;
  • Como o Day1 me ajudou;
  • Como o Day1 pode te ajudar.

O que é Endeavor?

A Endeavor surgiu no Brasil no ano 2000 com o objetivo de multiplicar e fomentar o empreendedorismo no país. Uma curiosidade muito interessante é que no ano de seu surgimento, a palavra “Empreender” não existia no dicionário da língua portuguesa e a Endeavor fora uma das responsáveis por popularizar o termo no Brasil.
Hoje em dia, atua em diversos lugares no Brasil e no mundo, como por exemplo, México, Egito, Indonésia e Espanha. Sua vasta área de atuação inclui um portal com centenas de postagens relacionadas ao tema, eventos presenciais e online, além de apoiar diversos empreendedores no país inteiro.
Para conhecer um pouco mais sobre a Endeavor, recomendo que clique aqui após terminar esta leitura!

Sobre o Day1

Day1 é o evento presencial (que também pode ser visto on-line) realizado pela Endeavor com parceria do Sebrae e apoiado por grandes empresas como Dell, Intel, Braskem, Santander, entre outras.
O evento ocorre desde 2011 e no dia primeiro de agosto de 2016 aconteceu sua nona edição. Ele é chamado assim por representar o dia que podemos chamar de “virada de chave” na vida de qualquer pessoa. Neste evento, dezenas de palestrantes sobem ao palco para contar a sua história e inspirar milhares de pessoas através de contos que certamente tratam de sonhos, desafios, loucuras e uma certa dose de frio na barriga.
Já subiram ao palco do Day1 pessoas como: Carlos Wizard, Gustavo Kuerten (Guga), Jorge Paulo Lemann, Luiza Trajano, Luciano Huck, entre muitas outras. Até então, o evento acontece presencialmente para algumas centenas de pessoas e é transmitido ao vivo para milhares de outras pessoas através da internet.
A nona edição já passou, mas se quiser ficar antenado sobre as próximas edições, deixe seu e-mail logo abaixo que te deixaremos informado sobre este e outros eventos.
Fique Atualizado!
 
day1-2016-endeavor-sebrae

Um breve resumo sobre o Day1 2016

Como falei anteriormente, o evento este ano aconteceu na última segunda-feira, 1º de Agosto, na Sala São Paulo, localizada próxima a estação da Luz, no centro de São Paulo. Lá estavam reunidas cerca de 1.200 pessoas, empreendedoras ou não, mas que como você, adora ouvir histórias de pessoas que chegaram ao sucesso profissional depois de muita luta e dificuldade.
Neste evento pude presenciar depoimentos marcantes, como o da Cristina Boner, que há duas décadas atrás se tornou uma parceira da Microsoft para testar softwares e sistemas operacionais. Quando descobriu que Bill Gates estaria vindo ao Brasil, ela produziu uma enorme faixa que dizia: “Welcome Bill Gates” com a assinatura de sua empresa ao lado. Ela entregou a um amigo (dono de um pequeno avião na época) e pediu para ele voar pela cidade inteira exibindo a faixa. Curiosamente, Bill Gates foi pego pela atitude inovadora da empreendedora e os dois, enfim, se conheceram pessoalmente.
Outro momento incrível do evento fora o depoimento de Carlos Wizard, fundador da Wizard e atual responsável por diversas empresas como a Mundo Verde, por exemplo. Ele contou quando começou a dar aulas de inglês para um, dois e três colegas de trabalho dentro da própria casa, até que resolveu sair de Curitiba, sua cidade natal, com apenas 100 dólares no bolso com destino a Nova Iorque. Para depois de algum tempo retornar ao Brasil e fundar a escola.
Além dos depoimentos acima, tivemos outros grandes momentos com os depoimentos de Gustavo Ziller, Nizan Guantes, Salim Matar, entre outros. Caso se interesse, veja abaixo a gravação completa do evento:

Cada um tem o seu Day1 e eu também tenho o meu!

Ao ouvir tantos depoimentos motivacionais e tanta gente boa falando no palco do evento, comecei a refletir sobre a minha vida e tentar buscar um dia marcante nessa trajetória. Para quem não sabe, sou designer, trabalho em uma agência de marketing digital e em paralelo executo projetos como freelancer. Ainda não realizei o sonho de empreender por completo, mas com certeza, tenho um dia chave na minha vida em que houve uma grande mudança no meu mindset, falando o português claro, na minha forma de pensar e enxergar o mundo.

O gatilho que eu precisava

No intervalo do evento aproveitei para dar uma volta no salão para tomar um café e refletir sobre o que estava sendo discutido durante toda aquela noite. Inconscientemente, estava passando pelo lounge da Dell e uma das garotas que apresentavam o espaço me convidou para entrar e dar um depoimento que poderia, ou não, ser transmitido ao vivo nos telões do evento e para quem assistia o evento pela internet.
Automaticamente travei e não soube o que falar, afinal, eu nem sou empreendedor no que eu poderia acrescentar?
Para meu alívio, naquele momento, recusei o convite e disse que não estava interessado em participar. Mas aquela situação ficou na minha cabeça por alguns momentos, até que resolvi adentrar ao salão principal para ouvir outros depoimentos inspiradores. Para minha surpresa, no momento em que eu ouvia o depoimento do Carlos Wizard, comecei a refletir sobre a minha caminhada até aquele momento e, surpreendentemente, comecei a ligar diversos pontos da minha vida que até então não tinham ligação. Notei então que havia identificado um dia perfeito para poder ser batizado de Day1.

Enfim, o dia chave para a minha trajetória

Nunca tivera sido um aluno muito dedicado até o segundo ano da faculdade (2012), minha proposta de vida, até então, era ir para bares, baladas e shows em qualquer dia da semana que fosse preciso, mesmo que isso me prejudicasse em algumas áreas da minha vida, como nos estudos ou no trabalho. Perdia aulas, trabalhos, provas e, algumas vezes, até a consciência.
Como já era de se esperar, após algumas DP’s acumuladas do primeiro ano, e algumas novas do segundo, acabei reprovando e sendo obrigado e fazer todas as DP’s no ano seguinte. No entanto, eu já esperava essa situação, pois com a minha rotina e minhas prioridades daquele momento, um resultado desse não seria nenhuma novidade.
A partir deste momento passei a refletir sobre minhas atitudes, sobre o que eu havia conquistado e, mais ainda, sobre o que eu deixei de conquistar. A faculdade, apesar de tudo isso, era um lugar que eu gostava de estar, então, mesmo com a reprovação não pensei em desistir em momento algum, pelo contrário, me contagiei com uma motivação enorme para continuar e recuperar todo o tempo perdido. Eu diria ainda mais, toda essa motivação ocorreu não só na faculdade mas, principalmente, nas outras áreas da minha vida. Afinal, passei a enxergar cada novo dia como uma nova oportunidade de me esforçar o dobro para abrir caminhos, conquistar meu espaço e, então, recuperar o tempo perdido com a vida que eu levava.
Mudei atitudes que não gostava nos outros, passei a me dedicar em aprender coisas novas, a conhecer pessoas que elevam nossa auto estima, enfim, a mudança foi drástica. Depois de toda essa mudança, a faculdade se tornou muito mais prazerosa, na qual no ano seguinte eliminei todas as DP’s adquiridas anteriormente, entre outros pequenos acontecimentos com muitos aprendizados e alegrias. Até que no ano passado (2015) finalizei esse ciclo com meu projeto de conclusão de curso, popularmente conhecido como TCC. Fora um ano com muita dedicação, esforço, suor e trabalho duro, mas ao final, o projeto fora extremamente elogiado e parabenizado por toda a banca de avaliação, além de receber nota 10 que fora perfeita para coroar toda a mudança e crescimento dos últimos anos.
Então, o dia em que a reprovação na faculdade foi oficializada ficou marcado na minha vida, em que uma nova trajetória fora iniciada, com muito mais amor, conhecimento, paz e auto investimento, esse foi o meu Day1!

E o seu, qual foi?

Tenho muita dificuldade em falar sobre mim, mas depois de tanta inspiração não tinha como evitar todo esse material a ser compartilhado com você. Então, tomei a coragem necessária para expor minha vida e alguns dos momentos mais marcantes dela. No entanto, gostaria de ler as mais diversas opiniões a respeito do tema, convido você, que chegou até aqui, para deixar um comentário logo abaixo e compartilhar um pouquinho sobre sua vida e sobre o seu Day1, afinal, se você está aqui é porque tem a curiosidade de aprender coisas novas ou apenas mudar seu mindset, como aconteceu comigo.
<Imagem>
 
Contribuiu com essa publicação: